Infecção respiratória superior em gatos: sintomas, causas e tratamentos

Veterinário examina um gato siamês de perto

A infecção respiratória superior em gatos pode se referir a uma série de condições que afetam os seios da face, nariz e garganta do gato. Essas infecções são geralmente de natureza viral ou bacteriana e podem ser muito contagiosas.

A infecção respiratória superior em gatos também é chamada de 'complexo de doença respiratória superior felina'. Se você vir sinais de infecção em seu gato, entãovocê deve ir a um veterináriopara um diagnóstico e tratamento adequados.





Aqui está o que você deve saber sobre os sintomas, causas e tratamentos para infecções respiratórias superiores em gatos.

Sintomas de infecção respiratória superior em gatos

Os sintomas de infecções respiratórias superiores em gatos são amplos e variados.

Alguns dos sintomas mais prováveis ​​incluem:



  • Espirros e tosse
  • Nariz escorrendo (possivelmente com secreção)
  • Menor apetite e perda de peso
  • Secreção ocular
  • Febre
  • Úlceras na boca

Causas da infecção respiratória superior em gatos

Um gato preguiçoso descansando no sofá

A causa da infecção respiratória superior em gatos é geralmente um infecção viral . Algumas das infecções virais mais comuns em gatos incluem:

  • Calicivírus felino (também conhecido como FCV)
  • Herpesvírus Felino (também conhecido como FHV)
  • Reovírus

As infecções bacterianas também podem causar infecções respiratórias superiores em gatos. Algumas das infecções bacterianas mais comuns em gatos incluem:

  • Chlamydophila felis
  • Bordetella Bronchiseptica
  • Pasteurella

Devido à natureza contagiosa de muitas infecções respiratórias superiores, a condição geralmente se espalha rapidamente em situações em que muitos gatos compartilham o mesmo ambiente.



Tratamentos para infecção respiratória superior em gatos

Se seu veterinário suspeitar que seu gato tem uma infecção respiratória superior, ele primeiro fará um exame físico e fará perguntas sobre o histórico médico e o comportamento do gato.

Com base em uma avaliação inicial, eles podem solicitar outros exames, dependendo da causa provável da infecção respiratória superior. Isso pode incluir esfregar a boca ou os olhos do gato e enviar as amostras a um laboratório para análise posterior.

Dependendo da causa raiz da infecção, seu veterinário também pode prescrever medicamentos. Se eles prescreverem antibióticos, é imperativo que você siga a dosagem correta e conclua o curso completo da medicação.

Os veterinários também podem usar líquidos e tubos de alimentação se as infecções resultarem em perda significativa de peso ou desidratação.

Enquanto seu gato se recupera de uma infecção respiratória superior em casa, é importante isolar de qualquer outro felino da casa. Os veterinários também recomendam fornecer o máximo possível de um ambiente relaxante e livre de estresse.

O seu gato já sofreu de uma infecção respiratória superior? Como o seu veterinário o tratou? Deixe-nos saber nos comentários abaixo!